Telinha Quente no Facebook

segunda-feira, 1 de dezembro de 2008

Boas intenções

Para ajudar os desabrigados do Estado de Santa Catarina, A Rede Record promoveu no dia de ontem o programa “Reconstituindo SC”, no qual reunia boa parte do elenco da emissora, entenda-se, atores, atrizes, jornalistas e apresentadores. O programa foi ancorado pelo “faz tudo” Britto Junior.
No quesito, aproveitar de tragédias para alavancar a audiência de seus programas a Record está de parabéns, consegue como poucas transformar pequenos acontecimentos em tragédias. Que fique bem claro, que não foi o caso de Santa Catarina, por tudo que acompanhamos no decorrer da semana passada em nossos telejornais. Nem estou aqui para questionar as boas intenções da emissora, se eram realmente ajudar essas famílias ou alavancar a audiência do jornalístico Domingo Espetacular, que vem registrando 12ptos de média, e a terceira colocação no horário. Eu tenho a minha opinião sobre o assunto.
Mas, o que me chamou a atenção foi o fato de todas as personalidades da emissora, ficarem de pé, e Britto Junior chamando um por um para falarem da tragédia e pedindo para que os telespectadores fizessem suas doações. E o mais hilário eram as expressões faciais dos artistas. Forçou a barra.
Já que a idéia inicial da atração era debater a catástrofe de Santa Catarina, fizeram isso dá pior maneira possível. Se a intenção do programa era prender a atenção dos telespectadores, talvez tenham conseguido, porque vários como eu dormiu a frente da tevê, sintonizados na emissora.

Pensem: Será que muito daqueles que estavam lá, estavam mesmo preocupados com os desabrigados em SC¿

Mais uma vez quero dá boas vindas àqueles que chegaram recentemente no blog “Telinha Quente” e estão expressando suas opiniões através dos comentários.

Então, sejam bem vindos, Patrícia, Zezé, Anny e R. Madeira. E claro, não poderia de deixar de agradecer todos vocês que fazem a diferença aqui no blog, Gui, Lamego, Flávio, Fábio, Cristiane, Fillipe e Douglas.

Daqui a pouco tem mais.

16 comentários:

Douglas disse...

A Record não perderia a oportunidade de conquistar alguns pontinhos de audiência.
De boas intenções o inferno está cheio, se quisessem mesmo ajudar, ajudariam, afinal ganham milhões, enquanto aqueles que realmente ajudam ganham um salário minimo.

Cláudio Almeida disse...

Lamego, ontem não consegui postar. Minha net estava com problemas.
Desculpe.

Flávio disse...

Eu vi um pouco do programa. Claro que doações são bem vindas, e a Record como uma instituição importante no nosso país, tentou fazer sua parte ou fez.
Mas em termos de organização foi pífio. Estava vem ruinzinho.

Fábio disse...

A Record aproveitou da tragédia para conseguir melhora os indices do DE. Todas as outras emissoras divulgaram a conta para doações em seus telejornais.
Eu achei muito engraçado as expressos dos artistas, em especial da Eliana.

Cristiane disse...

Me sensibilizo muito com ações como esta. Mas não vi porque como vc disse domingo é dia de fazer outras coisas que não seja assistir tv.
Não aguento mais ouvir falar so assunto, fiquei muito triste, e torço para que tudo melhore por lá

Patrícia disse...

Tb não vi, não assisto mto a Record e nem vi que anunciaram esse programa.
Imagino que fizeram do triste e lamentavel bem mais triste ainda.

Anônimo disse...

Parabéns a Record pela iniciativa, acho que a falta de organização ou de estrutura é o de menos.

Gui disse...

Não assisti ao programa por dois motivos: não gosto do sensacionalismo da Record e segundo porque o assunto mexe muito comigo: nasci em Santa Catarinense, sou barriga verde, não dá região da tragédia, mas que conheço muito bem. Tenho parentes e amigos lá, num sofrimento sem fim. Concordo que todas as redes de TV precisam ajudar nesta hora, mas sensacionalismo em busca de audiência,numa horas dessas, para mim, é um absurdo. Só mesmo a Record se presta a este papel...

Flávio disse...

Em partes concordo com o anônimo, mas n podemos esquecer que para as pessoas ficarem sintonizada em um canal é necessário que o evento seja bem organizado.
Aquilo ali n era debate nem aqui nem na China.
Para fazer o que fizeram seria melhor se entrassem um a um, e desse o seu depoimento.

Cris disse...

Resumiu tudo amiga, já visitei SC, uma das mais bonitas regiões do nosso país.
A Record faz de qlqr acontecimento uma tragédia sem fim.
Ninguém merece

Filippe Pye disse...

XXX TEMÁTICA SÉRIA,JORNALISMO IRRESPONSÁVEL E SOCIEDADE CONDICIONADA XXX

É complicado entender um país onde onde sua massa, na grande maioria, encontra-se de pé às 7 da manhã e o retorna para casa às 8 da noite, supervalorizando a desgraça alheia.
Entendam que os casos João Hélio, Isabella, Eloá, SC dentre muitos anos são espremidos da forma mais grotesca por levianos no quesito jornalismo. É a vida real que está ao lado e não apenas no televisor.
A TV que devia ser ferramenta eficaz na instrução e entretenimento hoje é abastecida por dejetos. Para quê? A troco de quê? E para quem?
A infelicidade maior diante disso é que o Brasil aplaude esse tipo de coisa. E mais fácil ser convencido por uma embalagem do que deixar a solidareiadade fluir de forma natural.
Por que o brasileiro se comove ao assitir um tiroteio no noticiário, mas tem coração duro para o vizinho que vive a margem da miséria?
Não é atôa que alguns pogramas de TV invistam cada vez mais em assistencialismo barato. Os autores e telespectadores desse tipo de show é de dar vergonha.

Flávio disse...

Não vejo a intenção da emissora em dá apenas audiência, concordo um pouco com o Fillipe quando ele diz que o brasileiro gosta de vê a desgraça alheias na tevê, bem certo, que a formação de algumas pessoas interfere e muito na qualidade em se acompanhar algo.
Mas, audiência em um programa de TV é fundamental e para uma boa arrecadação seria necessário que as pessoas estivessem sintonizadas.
Audiência ou não, as doações serão bem vindas.

Cláudio Almeida disse...

Nossa, esqueci no texto do Fillipe e Douglas.
Desculpem pessoal, a cabeça que anda ruim “Pacas”.

Cláudio Almeida disse...

Obs: Fillipe, concordo com você em boa parte do seu texto (muito bem construído e super pertinente).
Flávio, Você disse tudo.

Anny disse...

ñ tenho como comentar sobre o programa pq ñ o assisti, mas q o caso de Sc é serio e as pessoas deveriam se sensibilizar com o caso e assim ajudarem as pessoas a superarem esse mal momento deveria ser dito, a emissora se aproveitou disso para conseguir a audiÊncia, nada mto correto mas são as armas q a emissora tem na busca pela audiÊncia!! txau

Lamego disse...

não assisti mas creio que eles querem ibope, qualquer tragédia é desculpa para fazer sencionalismo,
ah claudio nem esquenta so queria saber pq não tinha postado ontem ^^